Nossos Aplausos para servidores, colaboradores e estagiários

Com trabalho árduo, comprometimento, boa vontade e agilidade, foram solucionadas milhares de regularizações e pendências do eleitor com a Justiça Eleitoral do Amapá.

Nossos Aplausos para servidores, colaboradores e estagiários

Nas últimas semanas a Justiça Eleitoral do Amapá intensificou os trabalhos de atendimento ao eleitor em razão do fechamento do cadastro eleitoral, concluindo mais um procedimento preparatório para as eleições de 2018.

A ação foi promovida com a ajuda dos servidores, estagiários e colaboradores, que não mediram esforços e trabalharam incansavelmente para que os atendimentos aos eleitores fossem concluídos com êxito.

Mesmo o Tribunal Regional Eleitoral tendo realizado ampla divulgação nos meios de comunicação, como rádio e televisão, ainda assim o eleitor deixou para comparecer aos cartórios eleitorais nos últimos dias, e por isso, formaram-se enormes filas, e como muitos tiveram que coletar biometria, o atendimento ficou mais lento.

Como em todo fechamento de cadastro eleitoral ocorre situações como essa, foi realizada uma força tarefa envolvendo os servidores de todas as unidades do Tribunal para prestarem apoio nesse momento. “Os servidores da Justiça Eleitoral têm o diferencial, essa é uma época que todos vestem a camisa e saem para atender o nosso principal cliente que é o eleitor”, afirmou a Diretora-Geral, Ana Bela.

Para celeridade dos trabalhos nos cartórios eleitorais, a equipe da Corregedoria Eleitoral do Tribunal Regional Amapá deu suporte nas zonas de Amapá, Ferreira Gomes, Laranjal do Jari, Macapá, Pedra Branca, Porto Grande, Oiapoque, Serra do Navio e Tartarugalzinho. O servidor Adilson Pantoja, da CRE/AP destacou que “com a aproximação do fechamento do cadastro eleitoral, até o último dia, muitas pessoas resolveram regularizar as suas pendências, transferir, revisar ou tirar o primeiro título de eleitor, o que aumentou a demanda em todas as zonas eleitorais, mas os serviços foram prestados por todos com entusiasmo, dedicação e exemplar profissionalismo”.

De acordo com o servidor Heverton Fernandes, é de suma importância esse momento tanto para sociedade como para os servidores. “Apesar de ser cansativo, é muito prazeroso vermos que estamos servindo ao nosso país, levando cidadania e oportunizando o cidadão com o direito do sufrágio, através do alistamento eleitoral, transferência de domicílio ou a revisão para que ele possa estar em outubro fazendo o direito de voto valer a pena”.

O desenvolvimento dessas atividades proporcionou eficiência no cumprimento das metas e objetivos esperados, além de estimular o aprimoramento das habilidades de cada profissional. Os estagiários fizeram curso de capacitação para contribuir com a Justiça Eleitoral no atendimento ao procedimento do Cadastro na Casa da Cidadania. “A aprendizagem enriquece o nosso conhecimento, e quanto mais aprendermos dentro do nosso estágio, mais adquirimos experiências para que possamos utilizar no futuro”, disse a estagiária, Amanda Bastos.

O forte senso de responsabilidade e incansável dedicação de todos os servidores e colaboradores nessa força tarefa, são habilidades que todo profissional precisa ter para fazer a instituição onde trabalha progredir e se destacar no cenário local e também nacional. Com trabalho árduo, comprometimento, boa vontade e agilidade, foram solucionadas milhares de regularizações e pendências do eleitor com a Justiça Eleitoral do Amapá.

Para todos que trabalharam nessa gigantesca empreitada, os NOSSOS merecidos APLAUSOS!!!

Últimas notícias postadas

Recentes